sábado, 26 de março de 2011

Sapatos de Luxo

Aqui vai uma lista dos sapatos de luxo mais caros do mundo.. Confira:

- Que tal pisar em R$ 2 milhões? Bem, isso é possível. Um par de sapatos criado pelo designer Stuart Weitzman custa essa ninharia, e não é por nada não, mas ele é tecido com fios de platina e adornado com 642 rubis (642 rubis!!!).

- Sapato da marca italiana Gianmarco Lorenzi: preço médio de 2 mil euros (R$ 6 mil) nas lojas européias.
- Outro modelo do designer Stuart Weitzman com preço espetacular é o que leva pedras encontradas na Tanzânia, na África. Trata-se da Tanzanita, que foi combinada com diamantes para criar o modelo avaliado em US$ 2 milhões ou equivalente a um apartamento novo, mas pequeno, de 63 m2, em Tribeca, no Centro de Manhattan, em Nova York.

- O designer de jóias britânico Christopher Michael Shellis, da House of Borgezie, usou ouro maciço para fazer o modelo Eternal Borgezie Diamond Stiletto e ainda cravejou o material com 2,2 mil diamantes. Shellis levou 3 anos para criar a sandália com salto estileto. Segundo o fabricante, a garantia em danos no modelo é eterna. Vale R$ 270 mil, o valor de um apartamento de 60 m2 em alguns dos bairros mais nobres da cidade de São Paulo.

- O francês Christian Louboutin é famoso pelos excêntricos e sensuais modelos de calçados, cujo impacto visual é acompanhado pelo preço salgado. O mais caro deles ganhou ainda mais notoriedade ao aparecer nos pés da atriz Sarah Jessica Parker no filme "Sex and The City 2". É o Pigalle, todo cravejado de strass está a venda no Brasil por R$ 11.150. Você também pode optar por comprar uma bolsa original Chanel 2.5, que sai quase o mesmo valor.
- Uma reedição da sapatilha usada poe Dorothy, personagem de Judy Garland, no filme "O Mágico de Oz" , é um dos sapatos mais caros do mundo e também um dos objetos de consumo mais valiosos já feito. O par leva 4,6  mil rubis que foram bordados na peça durante 2 meses. O feito é da House of Harry Winston, uma das joalherias mais tradicionais do mundo. O filho do fundador da empresa, Ronald Winston, foi o criador das sapatilhas de Dorothy em comemoração aos 50 anos da produção, de 1939. Há vários itens das sapatilhas originais usadas pela atriz no filme, que eram feitas de lantejoulas. Uma delas foi arrematada em um leilão pela joalheria que fez a sua versão mais valiosa, avaliada em US$ 3 milhões, em 1989. Com o valor é possível dar 500 voltas ao mundo, em companhias aéreas de primeira classe.

Entre muitos outros que tem por ai...